MAIS UM DESCASO DA COMPESA COM A POPULAÇÃO: EM PLENO ANO POLÍTICO, EMPRESA DESATIVA A ETA DE OROBÓ E DEIXA A POPULAÇÃO A “VER NAVIOS”! - AGRESTE CONECTADO

MAIS UM DESCASO DA COMPESA COM A POPULAÇÃO: EM PLENO ANO POLÍTICO, EMPRESA DESATIVA A ETA DE OROBÓ E DEIXA A POPULAÇÃO A “VER NAVIOS”!

Share This


 COMPESA DECIDE DESATIVAR A ESTAÇÃO DE TRATAMENTO DA CIDADE, SEM CONSENTIMENTO DA GESTÃO PÚBLICA E POPULAÇÃO


 A População de Orobó, em pleno ano político, onde inclusive o atual governo e parceiro da COMPESA, pleiteia a reeleição, que já vive tão sofrida e sacrificada com os descasos realizados pelos responsáveis pelo abastecimento de água da cidade, enquanto lutam e esperam por melhorias em um futuro não muito distante, acordaram nesta sexta-feira, dia 28 de setembro, vendo seus sonhos de ter acesso a um bem que é de todos irem “por água a baixo”, com a noticia de um fato extremamente abusivo e sem precedentes, nunca visto em mais de 50 anos de existência da ETA Orobó, situada no Sítio Caraúbas. Segundo informações e registros de moradores locais, Funcionários da COMPESA - Companhia Pernambucana de Saneamento foram vistos retirando todos os equipamentos da referida estação, instrumentos estes utilizados para o funcionamento da mesma, inclusive uma bomba que era responsável pelo abastecimento da vila de Caraúbas e do Matadouro, que segundo depoimentos, é quem mais sofre e mais vai sofrer com a desativação da estação, com a falta de água, e cobrança de contas absurdas. Embora a referida Estação receba água da Barragem de Pedra Fina, que é tratada na ETA do Buraco do Tatu, e chega a Caraúbas em ponto de distribuir pra a população da cidade, a mesma poderia continuar o abastecimento das referidas vilas sem maiores problemas. Segundo os moradores locais, se acaso o motivo de tamanho descaso, fosse extra político, o mais provável para o fechamento da estação, seria a capacidade hídrica da Barragem do Escuro, que se encontra abaixo do nível, mas que por sua vez, é composta de nascentes e possui rápida recuperação hídrica, mesmo fora do período de chuva



Visita de comitiva da Compesa a Barragem do Escuro, na cidade de Orobó

O que está deixando a população com “uma pulguinha atrás da orelha” sobre esse absurdo, é o fato do Prefeito Cléber Chaparral (foto acima), Vereadores Locais e Equipe, atendendo as inúmeras reclamações diárias da população, realizar diversos esforços e articulações políticas, indo até a Brasília pra poder conseguir máquinas pra fazer a limpeza e ampliação da barragem, visando à melhoria do abastecimento de água do município, ter recebido na cidade, uma Comitiva da COMPESA enviada da sede da empresa e tê-la acompanhado em reuniões na Prefeitura e Câmara de Vereadores, além de visitas à Barragem do Escuro e a referida ETA, no primeiro semestre deste ano, visando solucionar os problemas acima. Na época, ficou resolvido e divulgado pra população que seria feita a Limpeza e Ampliação da Barragem do Escuro, obras essas, que iriam fazer sua capacidade no mínimo triplicar, além de uma reforma na Estação de Tratamento, visando melhorar as condições de tratamento da água na cidade. Segundo depoimentos de pessoas que moram próximo à Barragem do Escuro, as mesmas afirmam que a barragem chegou a ter seus registros abertos e ser esvaziada por duas vezes, a mando da Gerência da COMPESA, para a realização dos serviços acima citados, desperdiçando muita água, água esta que poderia muito bem estar sendo utilizada atualmente, e evitando tal absurdo, porém nada foi feito, e ao invés de amenizar e apaziguar essa situação de forma que a população não fosse afetada, a empresa virou as costas pra tudo e todos e decidiu agir contra a gestão pública e o povo de Orobó. A diretoria da nobre Companhia, que fatura quase 4 milhões por mês, e tem como visão, “Ser referência regional em investimentos na ampliação, melhoria da qualidade e satisfação dos clientes nos serviços de abastecimento de água e esgotamento sanitário”, mas o que estamos vendo são vários problemas sem precedentes e um jogo de interesses, que afetam diretamente toda a população de Orobó. Não é novidade “banho de cuia” em Orobó. Os problemas e corrupções, no abastecimento e distribuição sempre existiram; sempre foi imposta a lamentável situação onde água na torneira se transforma em artigo de luxo e de venda. Será que preciso lembrar que estamos em pleno século 21 e que água é um bem de todos?

 Fazendo uma análise conjuntural política, da situação acima exposta, as motivações para este acontecimento podem ser as mais variadas possíveis, como por exemplo, “vingança política”, pelo fato da gestão atual não estar apoiando a chapa de reeleição do governo estadual em exercício, chapa esta defendida de forma ilegal pela referida empresa, entre diversos motivos, exceto é claro, o bem estar da população de Orobó. Resta aos moradores dessa bela cidade continuar utilizando os meios de comunicação como forma de propagar em mais audível som o nosso grito de desespero. Sem água não é possível!! Queremos serviços de qualidade, precisamos de pessoas responsáveis e competentes na COMPESA e que verdadeiramente se preocupem com o bem estar da população; por que de outro modo não faz sentido pagar contas absurdas e alimentar esse jogo de interesses onde quem ganha é somente a empresa, e a população que seja mero objeto de manipulação politica. PUBLICIDADE: FACULDADES INTEGRADAS DA VITÓRIA DE SANTO ANTÃO, ACESSE O SITE CLIQUE NO BANNER!

PUBLICIDADE: LÂMINA SELVAGEM CONFIRA NOSSA PÁGINA DO FACEBOOK, CLIQUE NO BANNER!

Nenhum comentário:

Postar um comentário